25/01/2019 às 08h00

Para agir melhor

André Luiz - Chico Xavier

Confie em Deus e em você mesmo para dirigir-se, mas entenda que você, por enquanto, ainda é um ser humano, sem ser um
anjo.
Exercite auto-aceitação, a fim de não se marginalizar nas idealizações negativas.
Não chore sem consolo sobre as experiências que se lhe fazem necessárias, porque a lamentação repetida conduz simplesmente à solidão e a solidão, mesmo brilhante significa inutilidade e vazio.
Se você caiu em algum erro e consegue saber disso, já possui
também discernimento bastante para retificar-se.
Guarde a lição do passado sem transportar consigo a embalagem dos problemas de que você a extraiu.
Compreendamos os outros nas lutas deles para sermos compreendidos em nossas dificuldades.
O tempo é um mercado de oportunidades constantes na construção que podemos aproveitar, quanto e quando quisermos.
Se você espera progresso e milagres em seu caminho não pare
de trabalhar.
Garantindo saúde e paz, equilíbrio e segurança em favor da
própria vida, aceite os outros tais quais são, sem alimentar inveja
ou ressentimento.
Recorde os talentos que lhe enriquecem a personalidade e as
bênçãos que lhe valorizam a existência e lembre-se que todo dia
é momento de estender a prática do bem, esquecer o mal, aprender sempre mais e fazer o melhor.