Blogs

Elen Alarça - @elensouzaalarca

Olá pessoal, me chamo Elen Alarça. Sou mineira mas atualmente moro São Paulo. Sou formada em jornalismo e pós graduada em Marketing e Gestão. Trabalho para a TV Mundo Maior e Rádio Boa Nova, emissoras da Fundação Espírita André Luiz, onde atuo na área de gestão e também apresento o programa Boletim Espírita. Sou frequentadora do Centro Espírita Casa do Caminho onde sou aluna do curso de doutrina. Aqui vou compartilhar com vocês vários textos com ênfase espírita para juntos refletirmos.

‹ VEJA TODOS OS POSTS
17/02/2019 às 22h20

A importância da prece segundo a Doutrina Espírita

Facebook Compartilhar

A pergunta que faço a você é simples: qual foi o momento que você reservou para Deus neste dia? Você já fez alguma prece hoje?


Pois bem caros leitores, vivemos numa era em que o tempo é cada vez mais escasso. Somos tomados pela correria e as preocupações cotidianas, acabamos por muitas vezes esquecendo de reservar um tempo para estarmos em profunda conexão com Deus.


Em o Livro dos Espíritos na questão 659, encontramos:


“A prece é um ato de adoração.Orar a Deus é pensar nele; é aproximar-se dele; é por-se em comunicação com Ele. A três coisas podemos propor-nos por meio da prece: louvar, pedir, agradecer”


Desse modo, podemos dizer que a prece é a comunhão com o universo espiritual. E que não precisamos preocupar em utilizar palavras pomposas, basta seguir a voz que vem do coração. Busque a Deus como um filho busca o pai e tenha certeza: Ele ouvirá.


Mas lembre-se de que o tempo de Deus é diferente do nosso, não se deixe abater se sua resposta não vier imediatamente. Tem uma frase atribuída a Martin Luther King que diz “ Eu tive muitas coisas que guardei em minhas mãos, e as perdi. Mas tudo que eu guardei nas mãos de Deus, eu ainda possuo”. Confie, Ele sabe o que é melhor para você.


Em O Evangelho Segundo o Espiritismo, no capítulo 27  “Pedi e Obtereis” encontramos:


Tomemos um exemplo. Um homem está perdido num deserto; sofre horrivelmente de sede; sente-se desfalecer e deixa-se cair ao chão. Ora, pedindo a ajuda de Deus, e espera, mas nenhum anjo vem lhe dar de beber. No entanto, um Bom Espírito lhe sugere o pensamento de levantar-se e seguir determinada direção. Então, por um impulso instintivo, reúne suas forças, levanta-se e avança ao acaso. Chegando a uma elevação do terreno, descobre ao longe um regato, e com isso retoma a coragem. Se tiver fé, exclamará: “Graças, meu Deus, pelo pensamento que me inspiraste e pela força que me deste”. Se não tiver fé, dirá: “Que boa ideia tive eu! Que sorte eu tive, de tomar o caminho da direita e não o da esquerda; o acaso, algumas vezes, nos ajuda de fato! Quanto me felicito pela minha coragem e por não me haver deixado abater!”. ( Eficácia da Prece, Item 8)


Desse modo concluímos que a resposta de Deus não está baseada no extraordinário ou no que deslumbra os olhos. Muitas vezes a resposta vem de maneira sutil e singela. Por isso, lembre-se sempre de agradecer ao Pai.


Referências:

O Livro dos Espíritos

O Evangelho Segundo o Espiritismo - Capítulo 27

www.pensador.com - Frases Martin Luther King